Alunos discutem questões de gênero e sexualidade

Alunos do Ensino Médio reúnem-se semanalmente para discutir questões de gênero e sexualidade. Os encontros incluem temas como homossexualidade feminina, drag queens, cis x trans e bissexualidade.

Bandiversidade

A organização surgiu diante da necessidade da construção de um espaço de diálogo sobre preconceito e discriminação. Segundo Isabela Baptista, da 3.a série, o Bandiversidade está sendo construído pelos próprios alunos que frequentam as reuniões.

Os assuntos são levantados pelos próprios estudantes, que depois preparam as discussões para as reuniões. “É super bacana ver como eles estão preparando os encontros. Eles fazem um programa bem profissional, que inclui os objetivos, o conteúdo discutido e até uma proposta de fechamento”, explicou a Coordenadora de CPG, Estela Zanini.

“Os encontros são muito enriquecedores porque cada participante traz perspectivas diferentes sobre os temas, as discussões fluem e há a oportunidade de aprender e repensar valores”, declarou Isabela.“Debater sobre gênero e sexualidade na escola traz esses temas à tona e leva as pessoas a repensar preconceitos, resultando num espaço escolar mais tolerante e acolhedor”, completou a aluna.

“Os ganhos [por causa do Bandiversidade] são muitos. Os alunos tem a oportunidade de aprofundar em assuntos de interesse e também de se sentirem em um ambiente seguro para expor ideias. Para o Colégio também é importante abrir espaço para uma discussão mais profunda sobre diversidade sexual”, contou Estela.

Para saber mais sobre os próximos temas e encontros, confira a página da organização no Facebook.