No Projeto ELO, alunos ensinam alunos

A educação entre pares já se mostrou bem sucedida em diversas experiências pelo mundo. Com a ideia que aluno pode ensinar aluno, o aluno Mateus Baptista, do 9.o ano, idealizou o ELO. Fazem parte do projeto os alunos Felipe Arsenian, Carolina Ferrer, Xin Zhou, Mariana Anraku e a Orientadora Educacional dos 9.os anos, Marina Schwarz.

projeto_elo2

orientadora Marina com os alunos do projeto

Baseando-se em princípios de cooperação e respeito, o objetivo é fazer com que os alunos aprendam com seus colegas de forma dinâmica e recíproca.

Para que isso ocorra, a equipe de organizadores tira a dúvida do primeiro aluno que comparecer ao plantão. Em seguida, este permanecerá em sala para auxiliar outros colegas que chegarão trazendo a mesma ou outras dúvidas e, dessa forma, acontece até o final da sessão.

projeto_elo1

“Ficamos muito felizes com o incentivo e espaço que o Band cedeu para que o projeto se tornasse realidade. É importante ressaltar que o ELO é um espaço de troca, ou seja, todos nós aprendemos e sanamos nossas dúvidas em grupo. Nenhum de nós sabe mais ou menos que nossos colegas ”, pontuaram os alunos organizadores.

“O projeto começou com a ideia de um aluno que queria criar um espaço para favorecer a aprendizagem e vivenciar valores como colaboração e respeito. Me sinto muito motivada e orgulhosa de participar do processo de implantação e expansão do projeto. Durante as reuniões com os alunos, aprendo com as suas ideias e podemos, juntos, buscar novas estratégias para aprimorar o projeto.”, finalizou Marina.

A equipe do ELO convida alunos do 9.o ano a comparecerem todas as terças-feiras na sala C8, das 11h às 12h!

Resumos, comentários sobre a matéria e recomendações de estudos, podem ser acessados no site do projeto.