O sonho de estudar no exterior

A aluna da 2.a série do Ensino Médio, Laís Gonzales da Silva, conquistou uma bolsa integral para realizar um curso de verão sobre business entertainment na Universidade de Yale, nos Estados Unidos.

Lais

Laís é aluna no Colégio por meio de uma bolsa do programa Ismart (Instituto Social para Motivar e Reconhecer Talentos) e, apesar da bolsa conquistada para realizar o curso, ela precisa de dinheiro para arcar com todos os outros custos que envolvem uma viagem para o exterior. Assim, inspirada por outros alunos bolsistas, ela decidiu realizar uma arrecadação online para obter o dinheiro necessário.

“Meu sonho é estudar no exterior” disse Laís que, até agora, já conseguiu 60% do valor desejado. “Acredito na minha força de vontade e no fato de que todo meu esforço vale a pena” concluiu ela.

A história de Laís foi tema para matéria do G1.

Confira na íntegra clicando aqui.

Alunos realizam campeonato de LOL

Como uma forma de integração entre os alunos, foi realizado um campeonato do game multiplayer League of Legends (LOL). O evento contou com a presença de cerca de 60 alunos que compareceram ou para jogar ou simplesmente para assistir o campeonato.

IMG_0058

A ideia partiu de  Bruno Sorban, Flávio Salles e Felipe Vidal, da 2.a série do Ensino Médio, e havia um objetivo simples: reunir outros estudantes que apreciam o jogo para que todos pudessem se integrar a partir de um gosto em comum. Assim, no campeonato, houve a formação de nove equipes com cinco participantes cada. Já que um dos principais pilares do game é o trabalho em grupo e o pensamento estratégico, em todos os momentos foi exigido que os jogadores se comunicassem com suas respectivas equipes para obter sucesso.

IMG_0053

“Assim como ocorrem com partidas de futebol e outros esportes, o campeonato de LOL reuniu pessoas que gostam tanto de jogar quanto de assistir. Também foi muito bom ter a oportunidade de trazer essa ideia para o Band já que muitos dos alunos gostam do jogo”, contou o aluno Flávio Salles.

IMG_0063

Além disso, o campeonato representou a quebra de uma série de estereótipos que rodeiam o universo dos games, já que as pessoas puderam ver que o LOL é um entretenimento para todos e não apenas para os considerados “nerds”. Isso reflete também um pensamento mundial já que cada dia mais as pessoas estão se abrindo paras as possibilidades dos games. – até universidades internacionais estão oferecendo bolsas para jogadores de videogame de alto rendimento.